Um pouco de tudo e nada ao mesmo tempo.

Desde o anúncio do iPad em janeiro de 2010, achei muito interessante a ideia de um equipamento mais leve e portátil que um notebook. Seria um equipamento não para substituir o PC, mas complementá-lo e desde o inicio gostei muito da proposta.

É claro que depois do lançamento do iPad, muitas fabricantes quiseram entrar nesse novo mercado inexplorado, e o Android foi um facilitador. Não sou grande fã dos produtos Apple, principalmente por não me adaptar ao iTunes. Para meu perfil de uso, a liberdade conseguida com Android é muito mais interessante e por isso comecei, no final de 2010, a pesquisar sobre os inúmeros Tablets que estavam sendo anunciados e produzidos pelas grandes marcas.

Herotab M802

Mas se havia uma coisa comum a todas era o elevado preço. Tablets ainda eram (são?) um produto muito novo, e como toda novidade, o custo é sempre alto. Foi por isso que os tablets “xing-lings” começaram a me chamar a atenção. Produtos sendo vendidos por menos de 200 dólares, com especificações até interessantes começaram a ser meu novo objeto de pesquisa. Por fim, achei que valia a pena correr o “risco” e comprei um tablet em dezembro de 2010, aproveitando uma promoção de fim de ano.

É claro que nessa época, próximo ao Natal, as entregas são sempre muito mais demoradas, e encomendas da China para o Brasil já são demoradas por si só. Eu já sabia que o tablet levaria um bom tempo para chegar, mas num momento em que aparelhos de marcas famosas custavam mais de R$ 2000,00, e eu estaria pagando menos de R$ 400,00, esperar fazia todo o sentido. O tablet chegou no dia 03 de fevereiro de 2011. Incrivelmente não foi taxado pela alfândega, então seu preço final, ficou em exatamente R$ 388,00.

Ok, contada a história da compra, vamos ao equipamento em si.

Meu aparelho é um Herotab M802, que também é conhecido como APAD IMX515 em alguns sites. Possui um processador de 800mhz, 512mb de RAM, 4GB de memória interna e tela resistiva de 8 polegadas, que são suficientes pra rodar muito bem o Android 2.2, Froyo, que dá vida ao dispositivo. Sim, eu sei que as telas resistivas não são nem de longe tão agradáveis de usar quanto as capacitivas (meu tablet não possui multi touch, por exemplo) mas, como já comentei, eu estava visando o baixo preço.

Agora vem a maior questão: Que motivo me levou a comprar o tablet? Simples: Meu principal uso seria para leitura. Possuo inúmeros livros e quadrinhos na memória do computador, e eu queria um aparelho leve que me permitisse ler sem ter de estar obrigatoriamente sentado na frente do meu PC.

Dito isso, vamos às minhas impressões.

Out of the box

O tablet veio, de fábrica com uma pré seleção de aplicativos bastante interessante. Um excelente reader de PDF, Angry Birds para o lazer, um gerenciador de arquivos básico, player de música e vídeo. Enfim, acredito que para um usuário mais leigo ou menos exigente, o tablet pode ser perfeitamente utilizado da maneira como sai da caixa. Mas para mim, o mais importante, mesmo sendo um tablet “genérico” ele possui acesso total ao Android Market.

Personalização

Uma vez que os apps do google e o Market funcionam perfeitamente, é possivel instalar uma infinidade de aplicativos e personalizar o tablet ao meu gosto. Minha primeira atitude foi substituir o Launcher padrão do Froyo pelo LauncherPro, muito mais bonito e funcional. Em seguida substitui o leitor padrão de PDF (que já era muito bom) pelo que sempre utilizo no Android, o RepliGo Reader.

Substitui também o player de video e após fazer root no aparelho (com um único clique, já que o root é inclusive incentivado pelos fabricantes chineses) passei a usar também o Root Explorer para organizar meus arquivos.

Em termos de personalização, o aparelho não fica devendo absolutamente nada a qualquer dispositivo Android. É possivel instalar ou remover aplicativos sem qualquer dificuldade, e o fato de rodar Froyo, permite mover facilmente os apps para o cartão SD, liberando a memória interna.

Experiência de Uso

Meu uso principal do tablet, como eu disse, é leitura. Seja de ebooks, seja de quadrinhos ou páginas web, posso dizer que o fato da tela ser resistiva atrapalha muito pouco quando o estou utilizando para isso.

Para ler PDF´s, ou quadrinhos, basta um toque no canto da tela quando desejo ir para a próxima página, e aqui a tela resistiva não atrapalha em nada. Quando ela é um problema? Principalmente quando preciso de zoom. O pinch to zoom é excelente, e a falta dele atrapalha bastante, principalmente quando estou lendo alguns quadrinhos mais antigos, onde o texto é menor, por exemplo.

Quadrinhos no Herotab

Para navegar em páginas da internet isso é um pouco menos acentuado, pois os navegadores interpretam muito bem o “duplo toque” na tela, seja para aumentar ou para diminuir o zoom. Sinto muita falta disso nos programas leitores de quadrinhos que testei.

Quando o uso do tablet é para jogos, ai sim a tela resistiva se torna muito problemática. A maioria dos jogos é feita com multitouch em vista, e mesmo nos jogos em que é possível utilizar o toque simples, como no Angry Birds, faz falta poder dar um zoom no campo pra ter uma noção melhor de onde atirar os pássaros, por exemplo. A resposta as vezes não é tão boa, e acabo atirando os pobres passarinhos em locais totalmente diversos de onde eu gostaria…. coisa que não acontece na tela capacitiva do meu telefone.

Em termos de processamento, o tablet é ok. Não é um grande espetáculo, uma vez que já não roda, por exemplo, alguns dos jogos mais novos lançados para o Android (inclusive pela falta de multitouch), mas também não fica devendo em nada na performance para leitura. Os livros e quadrinhos são carregados muito rapido e consigo ler sem problemas.

Quando se trata de multimídia, existem vários pontos a ser considerados. O player de video padrão que veio instalado consegue rodar os formatos de video mais comuns, mas é bem simples e quase não possui opções. Depois que instalei o ótimo Mobo Player, o tablet consegue rodar uma variedade muito maior de formatos de video, mas não possui poder de processamento suficiente para rodar videos HD (1080p) a contento.

Para vídeos até 720p, não há problema algum. O player roda perfeitamente os episódios de séries e desenhos que desejo assistir nele, inclusive com legendas. O player de música padrão do Android, consegue dar conta do trabalho simples de rodar mp3, organizar álbuns baseado em tags etc e por utilizar muito pouco o tablet para ouvir músicas, resolvi deixar apenas o padrão instalado.

Mas, por que motivo quase não ouço músicas e vejo poucos videos no tablet? Por um problema bem chato de hardware: O conector de fone de ouvido (padrão de 3,5mm) emite um chiado muito chato quando plugo nele meus fones de ouvido.

É preciso colocar o audio com um volume maior para não ser incomodado pelo ruido, e como não gosto de som muito alto nos ouvidos, acabo não utilizando os fones. Sei que o problema não é dos meus fones de ouvido, pois eles não geram qualquer ruido quando conectados no meu telefone, mas sei que já deveria ter testado outros fones no tablet no decorrer de tantos meses utilizando, para ver se o problema é solucionado ou amenizado. Mas, como não é esse meu principal uso, acabo sempre esquecendo de fazer o teste.

Opinião geral

Depois de mais de seis meses usando meu tablet “xing ling”, posso dizer que cheguei a várias conclusões:

  1. Para meu uso principal, ler, o tablet é ótimo. Claro que a resolução da tela poderia ser maior (sempre queremos mais) mas é suficiente para garantir conforto pra ler meus livros e quadrinhos sem problemas. Nesse quesito, estou muito satisfeito com o tablet.
  2. Caso você procure um tablet para jogos, fique longe das telas resistivas. Elas não servem pra isso. Simples assim. Inclusive não tenho muitos jogos instalados, pois são raros aqueles que oferecem uma boa jogabilidade no aparelho.
  3. Quando o assunto é mídia, a visualização de vídeos é excelente caso eu use os auto falantes externos. Como eu disse, o ruido nos fones de ouvido torna impossível, para mim, utilizá-los, e por isso eu não gosto do tablet para ouvir música. Acredito que probleminhas de hardware como esse sejam comuns em tablets xing lings muito baratos, em maior ou menor grau. Por isso, antes de comprar um aparelho assim, o ideal é pesquisar um pouco, e procurar informações de pessoas que possuam, para ver se existe algum problema que vá frustrar o seu uso.
  4. Um ponto muitíssimo importante, a duração da bateria. O tablet não oferece a autonomia de um iPad, com suas 9 ou 10 horas de uso contínuo, mas já consegui extrair dele boas cinco horas de leitura. Com o WiFi ativado, esse tempo cai para algo em torno de três horas e meia, mas ainda assim é um tempo que considero bom, ainda mais se comparado a alguns notebooks que em alguns casos não conseguem passar de duas horas longe da tomada.

Enfim, é um aparelho que considero muito barato, comparado aos concorrentes que encontramos, principalmente no inflacionado mercado brasileiro, e por isso algumas falhas podem ser relevadas. No fim das contas, considero que foi uma ótima compra, que tem me servido bem até agora, e me foi fundamental para que eu “entrasse em contato” com o mundo dos tablets, e ver que aparelhos assim possuem um excelente potencial.

Logo farei um upgrade de equipamento, passando para um bem mais potente, e tenho certeza que os comparativos entre eles darão ótimos posts… aguardem!

Comentários em: "Vale a pena comprar um tablet Xing Ling?" (17)

  1. ShaMaN disse:

    WalterAndradeJr,

    Muito obrigado, também quero um tablet só para leitura.
    E esse post me tirou várias dúvidas.

    Muito obrigado.

  2. ShaMaN disse:

    Uma dúvida.
    Você comprou o seu tablet em dezembro do ano passado.
    Você acha que hoje, eu devo comprar o mesmo modelo?

    Onde eu posso comprá-lo?

  3. ShaMaN, que bom que tirei várias dúvidas. O objetivo é esse mesmo, ajudar as pessoas com material que foi difícil pra mim encontrar antes de comprar o meu tablet.
    Caso ainda tenha dúvidas pode perguntar à vontade.

    Eu comprei o meu na http://www.merimobiles.com. Excelente atendimento e envio muito rápido.
    Mas para comprar hoje, já existem modelos bem mais interessantes que o meu Herotab na mesma faixa de preço.

    De uma olhada no site, logo na página inicial, dentre os produtos em destaque, o MID M110 me pareceu bem interessante. Tem tela de 10.1 polegadas (tamanho pouco maior que a do iPad) e é capacitiva, com multitouch.

  4. cara! tem um site bem legal que tem vários modelos, acho q uns 20 ou 30 modelos. comprei o meu lá e gosto muito . veio com sistema android e ate hoje não deu nenhum problema…

    http://SITEREMOVIDO

    • Removi o site por alguns motivos:
      1: O site não vende diretamente o produto, ele apenas ‘compra’ para você lá fora e ainda você tem que pagar os impostos.
      2: Não existe prazo de entrega, e sim uma ‘estimativa’, ou seja, não é estoque da empresa.
      3: Se for para comprar lá fora e entregar para vc então eu prefiro pedir para alguém comprar para mim.

  5. ande disse:

    o melhor tablet xing ling e o coby kyros 7016

  6. Não acho que o coby entre na “categoria” xing ling. Ele ainda tem uma marca, e suporte do fabricante.
    Quando digo xing ling, me refiro àqueles tablets ou dispositivos que só tem um nome fantasia qualquer e nunca sabe-se onde buscar suporte, se necessário…

  7. Comprei o meu tablet na loja compazy e ele nao é xingling, o tablet tem procedencia é de uma marca chamada Ainol estou com ele já a 8 meses e nunca deu defeito. indico para quem quiser comprar vai na loja compazy tem uma porrada de modelos por lá, inclusive o xingling que é o mais barato. Também indico a loja, pois é registrada na receita federal, contém CNPJ e o atendimento é ótimo, ja comprei duas vezes e nao tive problemas, da primeira vez comprei um tablet ainol e da segunda um headphone.

  8. Eurimar disse:

    Walter Andrade Jr… Você poderia me dizer se as chances desses tablets comprados pelo merimobiles de serem taxados são grandes?? Quando vc realizou sua compra, seu produto foi taxado??? Estou cheio de vontade de realizar o pedido de um, mas essa questão me faz pensar bastante com o real gasto que terei, as vezes o que parece barato (209,99 USD) pode se tornar caro (800,00 Reais)!

  9. Eurimar, acredito que é impossível dizer com certeza as chances de ser taxado.
    Quando comprei o meu passou direto, não tive que pagar nada de taxa, mas é sempre uma aposta na sorte.
    Acho que por ter a caixa menor que um notebook, por exemplo, a chance do tablet ser taxado também é menor, mas se comprar, já esteja preparado para o caso de precisar pagar o imposto.

  10. kevin disse:

    Oii Walter.
    Eu comprei um Tablet 8Polegadas,só que a bateria com Wi-fi lig só dura 2 horas é normal@??

    • Kevin, depende do tablet. Tem alguns xing ling q realmente duram muito pouco. Talvez seja interessante diminuir um pouco o brilho da tela, ou a quantidade de aplicativos que estão atualizando em segundo plano.

  11. Beatriz Rocha disse:

    Olá! Estou querendo adquirir um tablet, porém não acho necessário um investimento de mais de mil reais para oque eu quero, que são funções básicas, com ler livros,utilizar o pacote office, escutar as vezes músicas e acessar a internet. Tenho percebido uma grande váriedade de tablets xing lings, e percebido que as vendas estão grandes, penso então que se fosse tão ruim ninguém compraria, queria que me indicasse um site confiavel para comprar e uma marca intermediaria, estou com um link de um que me agradou muito, porém não conheço o site e o produto, e também não entendo muito dese assunto, será que poderia me dar uma dica ??? O site é
    http://www.mpway.com/catalog-product-view-id-10883

    Desde já agradeço e quero dizer que é muito legal a sua atitude de compartilhar informações com outras pessoas que assim como eu são leigos no assunto!!!😉

    • Sinceridade, não caia nos Xing-Ling.. Não vale a pena. Eles vendem bem pois são baratos, só isso. Normalmente são processadores single-core antigos, já fora de uso dos tablets de marcas boas, com apenas 256mb de RAM e 8gb de espaço.
      Neste que você me mostrou é quase isso, com a diferença de que são apenas 2gb de espaço.
      Outro problema muito comum nestes tablets é que o ‘touch’ dele é muito ruim, muito ruim MESMO, mas não posso dizer nada deste pois não o conheço.

      Além disso, você estará usando um Android antigo (neste caso a versão 2.2) enquanto outros já estão na 3.x ou até na 4.x.

      Quer um Motorola Xoom (sim, estou fazendo merchan, heheh)? Eu tenho um para vender aqui: http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-437698785-motorola-xoom-mz604-wifi-aceito-trocas-_JM
      Posso fazer por R$989,00 com frete grátis (PAC com seguro) à vista ou no PagSeguro/MercadoPago em até 12x.😉
      A diferença: Processador DUAL-core Tegra2, 32gb de espaço, 1gb de RAM, tela de 10.1 polegadas.

      Se o problema é o teclado: http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-244981752-capa-case-couro-com-teclado-usb-bluetooth-tablet-xoom-101-_JM
      (não, não é meu produto)

  12. gabriel disse:

    o melhor xing ling e o genesis alguma coisa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: