Um pouco de tudo e nada ao mesmo tempo.

MIUI 1.7.22 desktops

Image by Luis M. Gallardo D. via Flickr

Como vão Android Users? Estou eu aqui com meu primeiro post (desta vez é sério hein!?) sobre (um pouco) da minha experiência com o Android. Eu que tive uma boa experiência mobile, adquirida no finado Symbian, participei ativamente de um fórum sobre o SO (foi lá que conheci o chefe), cheguei no Android sem saber nem o que é kernel (tem gente que não sabe o que é isso até hoje). Meu primeiro e até então único Android é o HTC Desire. Um ÓTIMO aparelho pra quem não sabia nada sobre o Android, pois com ele pude instalar tudo sem sofrer com falta de hardware ou outra coisa. A pior coisa que existe é você achar um game/app super maneiro no Market e ler a mensagem:

Aplicativo não compatível

Voltando ao que interessa, vamos falar de ROM’s. Eu fui um cara super abençoado (ou cagão mesmo) de ter comprado um aparelho que tem rom de tudo quanto é maneira, com isso eu já testei de tudo no meu aparelho, desde ROMs com o famoso Sense à AOSP Roms.

HTC SENSE:

Meu aparelho veio com o Android 2.2 com a Rom Stock com o Sense, Sense é a coisa mais “eye-candy”, que já vi rodando em um Android. Desde o pequeno menu às belas animações do tempo:

Mas como nem tudo é perfeito, essas belas animações consomem muita bateria (e põe muita nisso). Lembro que minha bateria não aguentava 24 horas de uso (e olha que não sou um hard-user). Indo para o trabalho em um percurso de 45 min / 1hr, ouvindo música e utilizando um pouco de redes sociais no 2G, eu chegava no trabalho com 75% de bateria. No trabalho eu nem queria utilizar o aparelho pois sabia que não iria pra casa ouvindo música. Acho que a HTC nem pensou em consumo de bateria quando fez essa ROM pro HTC Desire. Com possibilidade de customização de Cenas (igual a um tema), essa ROM fica a cara do freguês. Nela consigo alterar a HomeScreen de acordo com meu perfil de uso, como Trabalho, Social, Mídia (e mais algumas que não lembro). Com essa alteração a home muda os estilos de visualização dos widgets, por exemplo, ao alterar para Trabalho, o widget de relógio é alterado para um com horário mundial. Muito bacana pra quem gosta de animações como eu, mas não se preocupa em viver com o carregador conectado ao Smart.

MIUI:

Procurando ROMS bonitas e com um visual bacana, acabei encontrando a (hoje) tão falada MIUI. Uma ROM feita por alguns desenvolvedores Chineses, visando alguns recursos e aparência do iPhone:

A primeira vez que o ví o vídeo desta ROM rodando em um aparelho eu fiquei bobo com a incrível UI O_o:

Este vídeo me deixou super motivado para realizar a troca da minha ROM stock. A opinião dos usuários da ROM eram só alegria, todos que estavam usando elogiaram os desenvolvedores e responsáveis pela ROM. Comigo não foi diferente, depois de instalar a ROM fiquei maravilhado com a velocidade e incrível interface. Pra mim era a coisa que estava faltando no Android. Essa ROM tem um Gerenciador de Arquivos embutida, com uma interface perfeita. A tela inicial tem uma busca em blocos por tipo de documentos como apks, músicas, imagens e etc. Também contém abas para vizualização do cartão SD e um para Servidor FTP, isso mesmo, esqueça cabos para acesso de seus arquivos do computador. Tudo rápido e funcional (foi minha primeira paixão).

Mas como nem tudo são flores, sempre tem os contras. Eu conheci a ROM quando a versão do Android ainda estava no 2.2. A medida que foi saindo atualização para a ROM (que é liberada toda sexta-feira pelos desenvolvedores chineses), ela foi mais para o lado “bonito” e esqueceu da qualidade. A ultima versão que saiu para o Froyo, ficou perfeita, super estável, porém depois que ela entro para o mundo Gingerbread, pelo menos para mim (quero deixar isso bem claro), acabou de vez. Tem muitos lags, o aplicativo RADIO FM  (que demorou meses pra sair na versão Gingerbread ), ficou fraco, sem recursos, esta EXTREMAMENTE lenta, está consumindo mais bateria do que na versão do Froyo e as alterações feitas na UI não me agradaram. Tudo bem que agora ela tem milhares de temas para instalar, desde a homescreen até o mísero ícone do menu das configurações de tela (essa foi demais né?). Mas eu viso muito qualidade + interface, se ficar em um só, não me agrada.

Atualmente a versão do MIUI Beta é 1.8.19 e a estável é 2.3.5a, todas com o Android 2.3 Gingerbread. Já instalei a versão estável e continuo com a mesma opinião. Já acionei alguns desenvolvedores à respeito disso e eles sempre com a mesma desculpa que “estão trabalhando nisso” e “pode ser um caso isolado”. Sim, eu sei que vocês trabalham muito, porém deêm prioridade nisso ai, se não vão perder mais um fã >=(. A ROM pode ser baixada no site oficial http://www.miui.com/ (em chinês), também há uma versão em inglês do site: http://en.miui.com/download.html. A ROM também tem vários parceiros ao redor do mundo, incluindo um, com versão em PT-BR da ROM http://miuibrasil.com/.

Bom, acho que já chega (por enquanto) né? Se não, fica muito longo e chato de ler, depois eu conto mais sobre as ROMs que instalei e qual estou usando atualmente. Espero que gostem. :D

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: